INTOLERÂNCIA À LACTOSE: QUAIS LEITES PODEM SER CONSUMIDOS?

Share

Intolerância à lactose: Veja quais leites sem lactose  eu já testei

 

São duas da manhã e eu acordada com o abdome protuso e a barriga inflada por conta de dois potinhos de iogurte. É sabido que iogurtes tem redução do teor de lactose, mas a redução é bem pequena, de 20% a 30%.

A pessoa que vos fala tem intolerância à lactose, mas é acostumada a consumir iogurte. O que não lembrei antes de consumir meus iogurtes foi que cedo pela manhã havia tomado leite com redução do teor de lactose com cereal, um tigela bem cheia. Só posso consumir iogurtes durante o dia . À noite não consigo digeri-los.

Tenho testado vários leites que o mercado oferece para os intolerantes à lactose, mas o fato é que além da intolerância o leite me causa alergias, piora a minha rinite e acentua o refluxo.
Pesquisando em alguns sites da internet e vendo depoimentos de pessoas com o mesmo problema que eu, vi que não estou sozinha.
São muitos os comentários de pessoas que afirmam que o leite causa essa série de malefícios. Mas o que fazer se a base da nossa alimentação por aqui é o leite? Tudo tem leite. Os biscoitos, bolos, a pizza… As coisas mais gostosas são feitas com leite.
Para quem não é alérgico e não tem intolerância , problema nenhum.; mas para nós que sofremos desse mal é preciso ter cuidado, pois não evitar alimentos que contenham leite e lactose significa sofrimento. Dores de barriga, gases, refluxo… tudo isso está associado a um quadro de intolerância à lactose.

Testei alguns leites. Já utilizei o Piracanjuba ZERO lactose e gostei muito. Não posso beber leite assim de copo mesmo, pois me dá alergia se consumir em grandes quantidades, além da intolerância; mas posso usar esse leite no preparo de bolos e biscoitos, pois a fração de leite ingerida por porção é menor e não sinto os efeitos.

Piracanjuba Zero Lactose

O Piracanjuba tem uma cor meio escura, dizem eles devido à constituição do leite, que além de desnatado é totalmente isento de lactose, pois contém enzima lactase na mesma proporção da presença de lactose. Tem que consumir rápido, pois só dura dois dias na geladeira .

Leite Ninho baixa Lactose

O segundo leite que testei foi o Ninho Baixa Lactose. este não é ZERO lactose, contém 0,9 gramas do açúcar e me causou problemas. Foi o leite que tomei hoje no café da manhã e estou amargando até agora. Fiquei com tosse seca, refluxo e dor de barriga.

O leite na Nestlé, diferente do Piracanjuba é mais branco, bem branco eu diria. Tem aquele gosto muito bom do leite ninho, mas para mim não deu muito certo. Está cortado da lista. Como eu já falei ele não é 100% sem lactose, tem apenas um teor reduzido, então se a sua intolerância é severa, não use.

Leite de Soja Sollys

Um que não me causa problema algum é o Sollys, também da Nestlé. Por ser à base de soja é ZERO lactose naturalmente, pois é de origem vegetal. O que gosto também nesse leite é que ele contém proteína isolada da soja e não o extrato de soja, que o caso do Ades, da Unilever. O Ades para mim não dá, não desce. Acho o gosto muito forte. Já o Sollys tem um gostinho adocicado com aroma de baunilha. A marca também oferece vitaminas à base de soja. Só esteja atento ao consumir produtos à base de soja para não exagerar. A soja pode ser extremamente tóxica ao organismo. Já escrevi sobre isso aqui no blog: Soja, vilã ou mocinha?

Leite Italac Zero Lactose

italac-sem lactose

Esse só vai quando não tem nenhum outro. O cheiro não é bom, lembra esterco. Não se se comprei um lote ruim mas não gostei do cheiro. Quanto à efetividade posso dizer que é bom pois não tive dor de barriga, contudo me deu crise de tosse.  Para mim não foi muito agradável a experiência com Italac.

O segredo é equilibrar. Ao comer fora, procurar levar um sachê de enzima lactase. Sempre deixo um na bolsa para garantir. No dia-a-dia é muito oneroso utilizar enzima em tudo, pois custa caro.

Como eu também não posso ingerir muito leite por questões alérgicas e porque afeta consideravelmente minha rinite, a caixinha de enzimas dura bastante. A soja, apesar de ser uma alternativa deve ser consumida com moderação, pois em excesso pode desregular os níveis hormonais.

Procure dar preferência aos sucos no café da manhã e aos iogurtes, que são bem mais tolerados por pessoas como nós que temos intolerância à lactose.

Leite sem lactose Itambé Nolac

nolac-itambé

A itambé tem uma linha com três versões: desnatado, semi-desnatado e integral. Já testei o integral e o semi-desnatado e gostei muito tanto do sabor quanto do cheiro do leite. Não senti nenhum desconforto.

De todos esses que eu falei acima, o leite da marca Itambé é mais econômico, custa até R1,50 a menos que os outros leites aqui na minha cidade. Aprovadíssimo na versão UHT, mas na versão em pó deixa muito a desejar. Comprei o leite em pó Nolac da Itambé e veio todo predado e ainda me deu dor de barriga.

Bom gente esses foram os leites que já testei. À medida que eu for testando outros leites e criando receitas de leites vegetais eu publico por aqui. Se vocês tiverem alguma  dúvida, informação útil ou sugestão, deixe um comentário.

Palavra do dia: Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça;
2 Timóteo 3:16

 

10 Comments

  • Reply Anônimo outubro 17, 2015 at 8:11 pm

    Ola , sou Sonia e minha bebê de 1 ano tem rinite alérgica, tem tolerancia ao leite, ela toma leite de soja , fiz o teste com leite ninho sem lactose mas a rinite piorou me arrependir, sera se der iorgute sem lactose pode voltar a rinite de novo o que devo olhar na embalagem, obrigado.

  • Reply Daniele Leite outubro 17, 2015 at 8:17 pm

    Sônia, tudo bem? Bom, o que posso te dizer com relação a minha própria experiência é que leite de vaca é um verdadeiro veneno para quem tem rinite e sinusite, pois aumenta a inflamação e a produção de muco. Com iogurtes eu nunca tive problemas, pelo contrário, melhoraram minhas alergias. mas leite de soja não é muito recomendado para bebês, a não ser que o pediatra tenha indicado. Algumas crianças têm alergia à caseína, um componente presentes no leite e em seus derivados. Aconselho você a levar sua bebê em um alergologista e a ver outras opções mais saudáveis de leites vegetais, como o leite de aveia, que você pode fazer em casa. Mas é muito importante consultar o pediatra, para assegurar que sua filhinha estará consumindo todos os nutrientes importante para uma criança na idade dela. Deus te abençoe e que você consiga resolver esse problema.

  • Reply Anônimo outubro 23, 2015 at 12:42 pm

    Boa noite gostaria de saber se uma criança com alergia a proteína do leite pode ingerir leite ninho sem lactose?

  • Reply Daniele Leite outubro 23, 2015 at 12:48 pm

    Boa noite! Bom, alergia e intolerância são duas coisas diferentes. Na alergia a pessoa é sensível a algum componente do leite, como a caseína (proteína) por exemplo. Na intolerância a pessoa tem a capacidade reduzida ou ausente de fazer a digestão da lactose,um açúcar presente no leite, inclusive no leite materno.
    Se uma criança tem alergia a leite não deve consumir leite em hipótese alguma, mesmo que tal produto seja isento de lactose. É necessário consultar um medico especialista na área e fazer exames para saber a quais componentes do leite a criança é alérgica. A lista de alimentos a serem evitados , dependendo da alergia, pode incluir todos os derivados do leite também. Mais uma vez afirmo: se a criança tem alergia ao leite e não intolerância à lactose, não deve consumir leite de forma alguma. Espero ter ajudado, mas aconselho você a procurar um especialista.

  • Reply Marilângela Oliveira novembro 5, 2015 at 4:21 pm

    Que ótimo essas dicas! e tudo de forma clara! eu estou em uma busca incansável sobre este assunto, pois meu filho há poucos dias demonstrou sintomas em relação a intolerância. Primeiro está sendo feito exames para chegar a conclusão, mas enquanto não temos o resultado o leite foi retirado da alimentação o que complica um pouco já que toda a alimentação dele era voltada juntamente com o leite. Gostei do que vi aqui e voltarei para ver outras postagens! até mais!

  • Reply Daniele Leite novembro 5, 2015 at 5:05 pm

    Que bom Marilângela. É bom saber que o conteúdo do meu blog pôde , de alguma forma, esclarecer algumas de suas dúvidas. Eu compartilho a minha própria experiência por aqui. Já tive muitos problemas e já testei muitas marcas, mas o meu problema via além da intolerância. Tenho um leve alergia ao leite, que pode se tornar bem incômoda caso eu ingira muitos produtos à base de leite . Tenho que buscar o equilíbrio constantemente. Qualquer dúvida ou sugestão de postagem, é só deixar um comentário aqui, Beijos!

  • Reply Geovana Freitas Fevereiro 19, 2016 at 12:19 am

    Olá Daniele, recentemente descobri que tenho intolerância à lactose e estou mudando aos poucos minha alimentação, deixando-a mais equilibrada. É muito complicado, pois alimentos mais gostosos são a base de leite ou contém queijo (como sorvetes, doce de leite e pães de queijo, os quais eu era viciada). Apesar da demanda de intolerantes a lactose, ainda acho poucas opções de produtos e alimentos sem lactose nos supermercados em Fortaleza. Pesquisando na internet sobre o problema, encontrei seu blog, o qual foi de muita valia. O conteúdo que você disponibiliza é claro e esclarece dúvidas comuns a respeito da intolerância. Fique com Deus!!

  • Reply Daniele Leite Fevereiro 19, 2016 at 12:26 am

    Que bom que o conteúdo ajudou você. A minha intolerância não é muito severa. Posso consumir coisas com leite pela manhã, contato que não seja leite puro. Mas no período da tarde e principalmente à noite , se eu ingerir qualquer coisa sem a enzima fico com a barriga estufada, não faço digestão e não consigo dormir. Aos poucos a gente vai conhecendo os limites do nosso corpo em relação ao problema, mas no começo é muito difícil se adaptar, pois vivemos no lado do continente dominado pelo leite he he. Aqui em Fortaleza encontro mais opções nos Mercadinhos São Luiz (queijos, iogurtes e biscoitos). Mas estou aprendendo a fazer minhas próprias receitas algumas sem leite mesmo. Se Deus quiser , em breve vou disponibilizar aqui no blog. Deus te abençoe!

  • Reply Roger setembro 22, 2017 at 7:23 am

    Também achei o piracanjuba melhor que os demais,vou procurar esse de soja da Nestlé, não me lembro de ter visto nos mercados por aqui =/.

    Valeu por compartilhar. =D

    • Reply Daniele Leite setembro 24, 2017 at 1:52 pm

      Obrigada pelo comentário Roger. Realmente o leite da marca Piracanjuba se mostrou o mais confiável dos que testei até agora.

    Deixe aqui o seu comentário e se tiver um blog deixe também o link para eu poder visitá-lo.