Os desafios de se ter um blog: vale a pena blogar?

Share

Os desafios de se ter um blog: vale a pena blogar?

Quem se aventura no mundo dos blogs sabe que não é nada fácil no começo. A concorrência realmente é intensa e mesmo com um bom conteúdo fica difícil,  muitas vezes, competir com os besteiróis que lotam os canais do Youtube e pasmem , são o que as pessoas mais curtem ver.

Tenho me deparado, ao longo de seis meses com esse blog, no WordPress e pouco mais de três anos com o Blogger, com inúmeros trabalhos de valor que não recebem a devida atenção e fico me perguntando: Vale a pena blogar?

Bom, a resposta é sim se você acredita no que faz e principalmente se você gosta do que faz. Não tenha um blog já pensando em ganhar rios de dinheiro com ele. Essas coisas levam tempo e posso dizer que talvez você nunca fique rico com o seu blog, mas quem sabe possa viver de blog, como algumas pessoas que conheço o fazem.

Tenha um propósito

Eu continuo na blogosfera porque acredito no meu trabalho e porque blogo com propósito. Meu blog, acima de qualquer outra intenção, busca agradar a Deus, é um blog cristão, e por conta disso também perde seguidores no Facebook, que se irritam com as postagens de versículo do dia, chego a pensar que até os próprios cristão se irritam.

Além de ser um blog cristão, meu blog é um blog pessoal, onde compartilho coisa da minha vida, de maneira ponderada, mas compartilho. Gosto de dividir dicas sobre blogs com outros blogueiros poque amo escrever sobre o assunto e também escrevo sobre organização que é outro assunto pelo qual sou fascinada.

Também escrevo aqui sobre o universo feminino, compartilho resenhas de produtos,  compras de roupas, maquiagens , coisas assim . Ainda escrevo textos sobre os mais variados assuntos, reflexões sobre a vida, mensagens cristãs.

Esse é o meu blog, ele não tem pretensões  gigantescas, mas tem pretensões. Ele não tem muito apoio de gente conhecida, na verdade são os desconhecidos (pelo menos pessoalmente) e amados amigos leitores e também blogueiros que valorizam o meu trabalho.

Onde está o apoio?

A família e os amigos verdadeiros vão sempre querer apoiar você . São eles que vão começar a impulsionar o seu trabalho compartilhando um post no Facebook, curtindo sua página, deixando comentários. Mas aos poucos outras pessoas vão descobrir os seus textos, vão se identificar com a forma com que você escreve, mas isso demanda tempo, portanto tenha paciência.

Deixe que venham a você , mesmo que devagar, aqueles que de verdade gostam do que você escreve. Amigos e parentes muitas vezes ou vão achar tudo lindo ou ainda vão ignorar.

Aqueles que só te conhecem, seja de vista, do trabalho ou ainda da blogosfera, vão lá olhar, bisbilhotar, não vão deixar rastros, porque preferem usufruir do seu conteúdo de forma anônima, só para não te dar o gosto de dizer que admiram o seu trabalho e que ele é relevante.

Os invejosos

Também aparecerão aqueles conhecidos dizendo que ter um blog é uma perda de tempo e que você deveria procurar outra coisa pra fazer. São os frustrados que não suportam ver você dando conta de um monte de coisa e ainda tendo um blog. Ignore esse tipo de gente, são pessoas que literalmente querem te ver desistir pelo simples prazer de te arrastar para o time dos frustrados infelizes.

A mesquinharia na internet

Eu  já pensei em um dia não mais blogar, por conta da mesquinharia que encontrei na internet. Pessoas só te seguem pra você seguir de volta (acontece muito comigo no Instagram). Outros ficam bisbilhotando para copiar os seus posts, porque convenhamos, uma coisa é você parafrasear algo, ou seja , escrever de outra forma, com suas palavras,  aquele conteúdo com o qual teve contato; outra coisa é copiar  e colar no seu blog tal qual está no blog de alguém e isso é crime e acontece demais na internet. Os que fazem isso são aqueles que têm preguiça ou falta de talento para escrever ou ainda não querem aprender a redigir um texto para Web.

Valorize quem te valoriza

Valorize os seu leitores, ainda que sejam poucos, mas são eles que apoiam o que você faz. Tenha em fé em Deus e peça sim que ele abençoe o trabalho de suas mãos.  Seja fiel aos seus valores e princípios e não se venda para a primeira propaganda passando por cima daquilo que acredita. As pessoas legais gostam de gente sincera e sabem muito bem farejar uma mentira.

Seja qual for o seu tipo de blog, faça com amor , disciplina e dê o seu melhor.  Como  eu já disse aqui, alguns vão simplesmente ignorar o seu trabalho, mas aos poucos  as pessoas certas vão chegando e se você estiver entregando conteúdo de valor, elas vão voltar.

Palavra do dia: Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação. 2 Timóteo 1:7

 

4 Comments

  • Reply Jaqueline outubro 15, 2016 at 6:48 pm

    Nossa gostei mto do post. É bem assim msm.. Comecei meu blog há uma 4 meses e faço pq gosto.. Ja pensei em parar algumas vezes por n dar conta de ta atualizando sempre..ms continuo firme.. Pq eh algo q tenho mto prazer em fazer.. Bjks

    • Reply Daniele Leite outubro 16, 2016 at 1:37 pm

      Fico feliz que tenha gostado Jaqueline. Acho que todas nós, um dia, já pensamos em parar, mas não conseguimos não é mesmo? O amor fala mais alto! Bjos!

  • Reply Ananza outubro 19, 2016 at 10:06 pm

    É Daniele… Estamos juntas nessa luta! Tenho exatamente a mesma impressão que você. Ter um blog cristão parece que é duplamente mais difícil, e incrivelmente mais criticado pelos próprios cristãos. Difícil! Mas como tudo q devemos fazer, fazemos pra glória Dele, então eu também só me preocupo em fazer o melhor q posso… Tenho certeza que esse post vai devolver a fé e ânimo de muita gente! 😍😘😘😘

    • Reply Daniele Leite outubro 23, 2016 at 2:17 pm

      É sim Ananza, duplamente mais difícil. Há um certo preconceito no ar e o mais triste como você falou é o preconceito por parte dos próprios cristãos.
      Espero sim que levante o ânimo de muita gente.
      Bjo!

    Deixe aqui o seu comentário e se tiver um blog deixe também o link para eu poder visitá-lo.