TESTEI: RENEW CLINICAL EYE LIFT PRO – GEL/CREME PARA A ÁREA DOS OLHOS

 RENEW CLINICAL EYE LIFT PRO – CREME ANTIRRUGAS PARA A ÁREA DOS OLHOS


A ÁREA DOS OLHOS

A área dos olhos é uma região sensível e que precisa de uma hidratação diferenciada. É ao redor dos olhos que aparecem os primeiros sinais da idade, como ressecamento, flacidez e rugas. Os cremes para essa área devem ser elaborados de forma a promover a absorção dos ativos hidratantes, pois a essa região possui uma espessura milimétrica: 0,5 milímetros, portanto, bem sensível e propensa às agressões ambientais e ao passar do tempo.

Os hábitos alimentares e uma rotina de exercícios ajudam a manter a saúde da pele em dia também, mas não são suficientes para driblar a ação do tempo. Uma hora ou outra as ruguinhas vão querer dar o ar da graça e a flacidez também começa a surgir.

RENEW CLINICAL EYE LIFT

 
 

Comprei há algum tempo um creme da Avon que promete corrigir algumas linhas de expressão como rugas e linhas finas e flacidez leve. O creme é um duo composto de dois produtos: um gel efeito tensor para área superior dos olhos e um creme para área inferior.O gel tensor é formulado com ingredientes como arginina e promete aumentar a produção de elastina da pele, proporcionando mais firmeza. O creme para a área inferior dos olhos promete clarear as olheiras, atenuar o inchaço e diminuir linhas finas e flacidez.

Lembrando que como é um produto de uso tópico, não vai fazer milagres e nem proporcionar o mesmo resultado de um tratamento cosmético profissional feito em uma clínica de estética. A linha de produtos Renew Clinical é indicada para todas as idades, claro, observando as necessidades da pele. Há pessoas de 25 anos, com a pele seca que já apresentam rugas e por isso precisam de creme corretor área dos olhos, contudo, há outras que aos 30 , por terem uma pele mais oleosa, não têm rugas, mas possuem algumas linhas finas como eu e já é necessário corrigir antes que elas se intensifiquem.

RESULTADOS NA MINHA PELE

 

Já estou usando esse creme há aproximadamente um mês e já sinto a diferença. A região dos olhos fica mais hidratada e macia. Como a minha pele é oleosa, praticamente não tenho rugas nos cantos dos olhos, mas a s primeiras linhas finas abaixo deles já começaram a surgir. Não usava cremes para essa região, mas depois que passamos dos trinta a pele começa a mudar e muito. O cheirinho do creme é muito gostoso e a sensação depois que aplicamos na pele é de conforto. Já faz parte da minha rotina aplicar o creme pelo menos uma vez ao dia, de preferência à noite. Mas quando o tempo permite uso duas vezes, pela manhã e à noite.

PREÇO

A média de preço desse produto é de R$42,00 reais, mas vez ou outra ele vem em promoção na revista da AVON, custando em média 34,00 reais, o que já acho uma economia e tanto.

MINHA ROTINA

 O Renew Clinical Eye Lift não é o único creme para a região dos olhos que utilizo. Gosto também do Neutrogena Ultra Light contorno dos olhos, que uso vez ou outra. Mas o meu preferido mesmo é da AVON. Já testei um outro da Avon, O Renew Vitale 25+, mas não gostei muito. Depois, se Deus quiser publico a resenha dele.

Para um resultado bom, é necessário que você aplique o creme sempre na pele limpa. Para limpar a região dos olhos utilize um lenço umedecido com sabonete neutro, pois essa região é muito sensível para ser limpa com o mesmo sabonete que usamos no rosto, pelo menos no meu caso. Eu uso o sabonete Dermotivin Control para pele oleosa, que acaba ressecando um pouco a pele. Minha dermatologista disse que eu evitasse a área dos olhos, para prevenir o ressecamento. Então para higienizar essa região, uso uma espuma de limpeza de ação demaquilante que limpa suavemente a pele da linha Renew Reversalist, que é indicado para peles a partir de 35 anos, mas como as linhas anti-idade da Avon não possuem ativos muito concentrados e esse é só uma espuma de limpeza, não vejo problema de usar, além do mais tenho 33, são apenas dois aninhos de diferença.

NÃO ESQUEÇA

A área dos olhos é uma região sensível, não use produtos abrasivos para a sua limpeza;

Uma boa rotina de hidratação, de preferência a partir dos 25 anos, de acordo com o seu tipo de pele, previne a formação de linhas mais acentuadas no futuro;

A constância na aplicação dos cremes é que garante o resultado. Usar o produto um dia sim e dez não, de nada adiantará;

Hábitos saudáveis de alimentação e uma rotina de exercícios físicos, além da ingestão de líquidos, ajudam a manter uma pele mais jovem.

Se você já usou esse produto, e teve uma experiência positiva, ou tem alguma dúvida, deixe aqui seu comentário. Gostou do post? Curte aí! Fique à vontade também para compartilhar!

Um dia abençoado para você, cheio da graça de Deus!

5 Comments

  • Reply Luci Oliveira julho 31, 2015 at 12:20 pm

    Amei sua resenha. Vou começar a usar o meu no final do mês, que é quando ele vai chegar, estou ansiosa..

  • Reply Daniele Leite julho 31, 2015 at 12:26 pm

    Que bom Luci! Compartilhei porque realmente esse produto funciona e o que acho mais bacana ainda é que ele é bem acessível em relação ao preço. Uma outra coisa que faço junto com o creme agora é aplicar umas gotinhas de óleo de coco antes de passar o creme. Óleo de coco é incrível para a pele. Bjs!

  • Reply Bruna Gonçalves outubro 5, 2015 at 7:18 pm

    Gostaria de saber se esse creme pode ser utilizado para todas as idades?

  • Reply Daniele Leite outubro 5, 2015 at 7:22 pm

    Bruna, a Avon diz que é para todas as idades, pois alguns sinais podem aparecer mais cedo em algumas pessoas e em outras não. Eu tenho 33, mas a genética da minha família é abençoada, pois praticamente não temos rugas, decidi usar porque os primeiros sinais começaram a surgir. Há meninas que 23 anos já apresentam algumas linhas e isso pode ser em virtude dos hábitos (como pegar muito sol sem proteção e gostar muito de praia e piscina ou ter uma alimentação ruim) ou da própria genética. Embora a Avon diga que é para todas as idades, é interessante consultar um dermatologista .

  • Reply Sam Sotério abril 26, 2017 at 11:19 am

    Bruna vc aplica protetor solar antes ou depois dele?

  • Deixe uma resposta para Bruna Gonçalves Cancelar resposta